Essa semana o DONO da SPFW esteve conversando conosco no QG do F*Hits. Paulo Borges. Depois, aliás, postarei o vídeo da mesa redonda que fizemos com ele. Mas, no meio do bate papo, ele disse: “Resolvi entrar na moda porque gosto de gente. Me apaixonei pelas pessoas que trabalham nesse ramo, os artistas desse negócio. Eu sempre gostei de GEN-TE“.

E, realmente, estar em contato o tempo todo com gente interessante, criativa, competente, às vezes louca de tacar pedra, é um grande privilégio dos profissionais da moda. Minha mãe sempre disse que conhecer gente nova é uma das riquezas de vida. Que cada um tem algo pra dar. Até gente podre ensina algo pra nós, dá para tirar verdadeiras lições de vida de qualquer um, é só saber prestar atenção. Eu presto muita atenção em todo mundo.

A Helô Gomes vive brincando comigo porque eu saio fazendo amizade com qualquer criatura que a gente cruza pelo caminho. Pergunto a história da vida do motorista do táxi. Faço amizade com o manobrista (tem um lá no Hotel Unique que virou brother meu desde o primeiro QG, eu chego lá e a gente já se abraça). Fico conversando com o carregador de bagagem do hotel.

Cê acha que tô aqui querendo me exibir, te contando isso pra dizer como sou legal com todo mundo? Nada disso!!!! Eu gosto de ouvir novidades. Eu gosto de saber como as pessoas são, eu quero tirar delas algo para mim. Então não é “falta de egoísmo”, nem “ai que amor”. Eu apenas estou interessada nos outros. Quaisquer outros.

En-fimmmm!!!! Tudo isso pra dizer que a semana de moda é uma das melhores oportunidades para rever amigos, conhecer gente influente, gente bonita, fazer contatos, conhecer gente que eu admirava e não conhecia. Isso é riqueza totaaaallll! Riqueza de informação, de cultura, de personalidade, de vida.

Olha algumas das pessoas que vi/revi durante esses dias:

gente na spfw

1. Arlindo Grund: Arlindo é apresentador do programa Esquadrão da Moda, mas aposto que você sabe disso, porque ele é famoso, famosão. Só que a gente é amigo muitoooo antes disso. Conheci Arlindo logo que ele chegou de Recife, stylist novinho, com cabelos cacheados voando, roupas básicas e os mesmos olhos azuis lindos que você conhece bem. De lá pra cá, ele ganhou fama, dinheiro, e continuou sendo a pessoa delicada, educada, fiel e doce que sempre foi. Um dos amigos mais queridos que tenho. A gente se fala por email semanalmente, mas a gente se vê pouco hoje em dia. São duas agendas malucas. Então foi delicioso encontrá-lo, sem combinar, no Parque Villa Lobos, onde rolam os desfiles. Saímos correndo e agarramos nesse abraço que cê tá vendo aí.

2. Mariah Bernardes e Marina Xandó (Helozita, você não conta, porque irmãzinha que se fala e se vê todos os dias não vale ahahahaha): Duas irmãs blogueiras que se amam loucamente. Sério, que relação linda a de Mariah e Marina. E são muito diferentes! Mariah é delicadíssima, fala baixinho, sorri discretamente, é pura meiguice. Marina é espirituosa no último, ri muito, faz piadas óoootemas, observadora como só ela! Cada uma é sensacional do seu jeito. Sempre bárbaro conversar com essas duas…

3. Dudu Bertholini: Sou fã do estilista desde o primeiro dia da Neon, hoje extinta. Algumas temporadas atrás ele participou de um bate papo no QG do F*Hits e foi aí que me apaixonei de vez. Ele vive rindo e é super, superrr simpático. Isso me surpreendeu. Como um ultra fashionista, que gosta de ser diferente, que faz pose, pensei que ele teria nariz empinado. Que nada! Sossegado e divertido. Nessa foto, eu estava entrevistando Dudu para um quadro que fiz para o canal Glitz durante o SPFW.

4. Paulo Borges: A gente já se conhecia, mas desconfio que ele não lembrava de mim. Minha mãe conhece o divo há muitos anos, e já me apresentou pra ele algumas vezes. Mas sabe como é, né. Nunca tínhamos batido um papo antes dele ir ao nosso QG. Eu já cheguei chegando, “sou filha da Fatima, você não lembra de mim, mas já fomos apresentados”. Ele foi incrível e tivemos uma conversa enriquecedora!

5. Camila Coelho e Alice Ferraz (não briga, Helô, você não con-ta!!!): Cami é uma dessas pessoas raras que gosta de todo mundo, ri pra todo mundo, fala com todo mundo e toda vez que você diz “como você é linda, menina!”, ela responde, “imagina, são seus olhos”, com toda a sinceridade. Sério, Cami é especial e desde que entrou no F*Hits foi paixão imediata. Morro de saudades e toda vez que a gente se encontra é só beijinho e elogio! Mútuo, imagina só! Alice, nem tem o que dizer. Essa é amiga do peito, mais do que parceira, mais do que trabalho, vai muito além. Amiga de verdade, dessas que a gente liga pra contar fofoca que ouviu, pra pedir conselho, você não sabe quantas vezes liguei chorando pra essa mulher… Um privilégio de se conviver.

6. Sabrina Sato: Nunca tinha conversado, apenas visto pessoalmente de longe, em um ou outro evento. Sempre gostei da cara dela, do jeito dela, essas pessoas que você vai com a cara meio que por instinto. A-do-rei tudo o que ela falou no QG e me identifiquei muito (ela é aquariana como eu). Fala palavrão pelos cotovelos como eu, ri alto como eu… Divertiiiida!

7. Isabelli Fontana: Também só tinha visto em eventos e desfiles. Entrevistei ela para o Glitz também, e ela foi diferente do que eu imaginava. Ela é mais delicada do que eu pensava, mais feminina, não sei explicar bem. Mas foi paciente, educada, sabe gente que pensa antes de falar? Gosto de gente assim, porque não sou assim.

8. Paula Martins: Essa é figura. Você vê essa mulher toda chique, bonita e sabida. Mas Paula é engraçada, ri de tudo (não ri, gargalha), puxa papo, fala pra caramba. E fica brava também. Trata que nem filho, dá lição de moral, tudo no maior amor. Mas fique sabendo. Ela é toda chique, bonita e sabida mesmo. <3

fhits spfw logo ok